Menu Right

Top Social Icons

Publicidade
Publicidade
18 9 99631 6205
WhatsApp
WhatsApp

terça-feira, 28 de julho de 2020

Adamantina tem 135 casos de COVID-19

A Prefeitura de Adamantina, por meio da Secretaria de Saúde, informa que hoje (28) foram confirmados mais quatro casos de COVID-19 na cidade. Com essas novas confirmações, a cidade chegou a 135 casos positivos.

Adamantina tem 135 casos de COVID-19

Apesar do aumento das confirmações, nenhum dos pacientes em tratamento está internado. Todos seguem em isolamento domiciliar recebendo o acompanhamento da Secretaria Municipal, pois apresentam sintomas leves.

O número de curados subiu para 109 casos. Ontem (27), eram 102. Sendo assim, a cidade tem 20 casos ativos da doença. A cidade segue com seis óbitos confirmados.

Até hoje (28), foram notificadas 611 pessoas e 48 aguardam resultados de exames. Os casos negativos somam 428, 10 a mais que ontem (27) e com monitoramento encerramento são 528, 15 a mais que ontem (27).

A Secretaria de Saúde esclarece que o número de notificações subiu, pois há uma normativa que determina que todos os profissionais de saúde que atuam no município e que tenham ou não apresentado sintomas, devem ser testados. Além disso, a cidade começou a testar qualquer pessoa que apresente os sintomas de acordo com a recomendação médica e não apenas aqueles que pertencem aos grupos de risco.

A Prefeitura pede que os munícipes só saiam de casa em casos de extrema necessidade e usando máscara de proteção facial, inclusive na realização de atividades físicas.

A Secretaria de Saúde recomenda:

- Fique em casa, evite sair sem necessidade e evite aglomerações;

- Caso seja necessário sair de casa, use uma máscara de proteção facial;

- Lavar bem as mãos por 20 segundos com Água e sabão e, utilizar álcool em gel quando não há torneira e sabão por perto;


Atenção, se você está com suspeita ou já tem confirmação do resultado positivo de Covid, respeite o isolamento de 14 dias.

Sair de casa nessa situação é crime, segundo o artigo 268 do Código Penal Brasileiro; 

"infringir determinação do poder público destinada a impedir introdução ou propagação de doenças contagiosa pode gerar pena de detenção, de um mês a um ano, e multa"


Veja mais notìcias em  Adamantina Notìcias
close button
Anuncie