Menu Right

Top Social Icons

Publicidade
Publicidade
18 9 99631 6205
WhatsApp
WhatsApp

segunda-feira, 24 de agosto de 2020

Cabeleireiro da região é torturado, queimado e morto na Zona Leste de São Paulo

Um cabeleireiro de 47 anos foi encontrado morto com sinais de tortura em uma área de mata na zona norte de São Paulo, no último dia 7 de agosto. O corpo estava seminu e parcialmente carbonizado e só foi reconhecido através das impressões digitais. Trata-se de José Roberto Tavarez, que, de acordo com informações, cresceu em Ourinhos e era conhecido como “Madonna”, por ser fã e imitar a cantora norte americana. 

Atualizado 24/08/2020 às 10:29

Cabeleireiro da região é torturado, queimado e morto na Zona Leste de São Paulo
Foto -reprodução Facebook Cabeleireiro da região é torturado, queimado e morto na Zona Leste de São Paulo
O fato veio à tona através de uma matéria publicada no programa “Cidade Alerta” da TV Record, que conversou com a irmã da vítima, Roseli Tavares. Na matéria, a irmã conta que fazia 11 anos que não via o irmão e que foi até o IML (Instituto Médico Legal) na capital para reconhecê-lo, porém não conseguiu, pois o corpo estava carbonizado e estava há pelo menos seis dias no IML aguardando ser reconhecido.(Confira o vídeo abaixo)


A matéria destaca ainda, que a família suspeita que José Roberto tenha sido vítima de homofobia na reportagem a irmã de José Roberto fala ainda que ele chegou a ganhar uma ambulância para cidade de Ourinhos ao vencer um concurso em que imitou a cantora “Madonna”.

A morte do cabeleireiro está sendo investigada pelo DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa de São Paulo).

Fonte:jornal do povo
Veja mais em Adamantina Notìcias
close button
Anuncie